terça-feira, 7 de junho de 2011

Maravilhas da Sétima Arte - Roman Holiday (1953)


Sinopse (IMDB) :
Uma aborrecida e sobre-protegida princesa foge dos seus protectores e apaixona-se por um jornalista americano, em Roma.

Opinião:
Muita gente foge a sete pés de filmes antigos (" Eh pá, um filme a preto e branco... Esquece! Que seca..."), infelizmente eu também já fui uma dessas pessoas, mas desde que vi o "Rebecca" do Alfred Hitchcock (o livro é maravilhoso), volta e meia dá-me para ver um filme antigo, mesmo que seja assim muito "cheesy" e dramático. Na verdade gosto muito de cinema e  alguns dos melhores filmes que já vi eram a preto e branco. 
Pois este "Roman Holiday" é uma comédia romântica com "classe", muito divertida e fácil de ver,  recheada de situações engraçadas enquanto Ann e Joe percorrem a cidade de Roma. 
Um dos motivos principais que me levou a ver este filme foi  a presença de Audrey Hepburn; gosto sempre dos filmes em que ela entrou, era uma actriz muito talentosa, com muita classe. Já o Gregory Peck, eu conhecia de nome, mas nunca tinha visto nenhum filme com ele. Em primeiro lugar fiquei fã do trabalho do senhor e em segundo lugar já não se fazem homens assim! 
Devo dizer que ri muito com o filme e, no geral, gostei muito. Fiquei um bocadinho desapontada com o final, que estragou o romanticismo do filme, mas bom, tinha de ser assim.
Vejam, que vale a pena!

Classificação: 4/5

Nenhum comentário:

Postar um comentário